Glitched Spaceway little Post Mortem

During the month of June I participated in the Game Jam hosted by Game Jolt, #glitchjam.
I have studied a lot game development, all aspects of it, the programming itself to marketing… But this was one of the best things I’ve ever done (to help me study).

banner

Self teach to do something, be disciplined, is very difficult. Even more without an “immediate objective”. Join this JAM, with a deadline considered “long” (one month) ended up being an excellent choice for my learning. I learned a lot throughout the process and the results you can check here: Glitched Spaceway.
Took a look? Well now the rest of the post will make more sense.
Continue reading

Glitched Spaceway Pequeno Post Mortem

Durante o mês de Junho eu participei do Game Jam #glitchjam hospedado pelo site Game Jolt.
Tenho estudado muito desenvolvimento de jogos, todos os aspectos da coisa, da programação em si ao marketing.
Foi uma das melhores coisas que já fiz (pra me ajudar a estudar).

banner

Se ensinar a fazer algo, ter disciplina, é muito difícil. Fazer isso sem um “objetivo imediato” mais ainda. Participar deste JAM, com um prazo considerado “longo” (um mês) acabou sendo uma excelente escolha pro meu aprendizado. Aprendi muito no processo todo e os resultados vocês podem conferir aqui: Glitched Spaceway.
Deu uma olhada? Bom. Agora o restante do Post vai fazer mais sentido.

O jogo está repleto de Bugs e incompleto. Muitos destes bugs ninguém nem vê, mas eles ainda estão lá. O que, pra esta JAM, não faz tanta diferença: A ideia é o jogo ser Bugado e estranho. Meu shooter na verdade pode ser considerado um dos mais acanhados neste sentido, basta dar uma olhada nos outros jogos. :]

Tirando o fato de que esta é minha primeira experiência em todos os sentidos, tanto como desenvolvedor quanto como participante de um JAM, as coisas que mais aprendi não foram tão relacionadas ao uso da ferramenta de desenvolvimento (Stencyl 3.1) ou a criação dos gráficos em si: Foi a de organizar e colocar as ideias em prática. Foi o Design da coisa… Continue reading